sexta-feira, fevereiro 21, 2014

Frases de busca

Depois de anos sem por cá os pés, resolvi ir investigar porque é que ainda há sonâmbulos que nos continuam a visitar. Uma das frases de pesquisa que fez uma alma vir parar a este desterro foi "cantor transexual dos onda choque".
Em primeiro lugar intriga-me porque é que alguém procura essa merda, mas isso há tolos para tudo, mesmo tudo.
Em segundo lugar porque é que o sr. google lhe apontou o caminho na nossa direcção. A nossa maior vaga de posts ocorreu em 2003 e 2004 mas eu lembrar-me-ia se houvesse um post sobre este tema.
Já a a outra frase "gajas a lamberem-se" que também atirou pessoal para aqui me parece um tema mais explorável por estas paragens.

De volta (take 34233)

Vamos voltar e posso assegurar que é uma decisão irrevogável!

terça-feira, janeiro 10, 2012

Se A Cagada fosse uma agência de marketing...

Boa ideia para uma campanha de um ginásio. Relembrar ao pessoal que os judeus saíram magrinhos que nem varetas de óleo (os que saíram) dos campos de concentração.
E custou alguma coisa? Nada.
Tudo à base de dietas equilibradas "sem esforço" (sem esforço porque não custava nada comer os 2 grãos de arroz que lhe davam)  e exercício físico.
Viram algum judeu gordo depois do "programa personalizado" a que foi submetido? Não havia cá desculpas do género, "tudo o que eu como me faz engordar, deve ser a tiróide".
Qual tiróide, qual caralho... tudo elegante. Neste caso nem os fatitos às riscas os faziam mais gordos.
"kiss your calories goodbye". Eu digo é ao dono desta marca "kiss your company goodbye"

Novo Look!!!

Gostam?
Até tem butões para o facebook, google + e o caralho...

De volta (take 2)

Desta vez é que é. Só fui ali comprar cigarros e demorei um bocadito.
Desde 2006 que a malta não dizia nada por aqui!!! Dasse...
Ando à procura do resto do gang mas acho que os perdi para a paneleirice.
É que da última vez que aqui escrevi não havia iphone, ipad ou outras merdas de paneleiro que agora se usam.
Tal como o facebook. Aliás, deve ser aí que estão escondidos os cabroezitos!!

Na verdade, deixámos de escrever porque durante este tempo todo tivemos um PM roto.
Ter um ministro rabicho ainda era coisa que poderia aceitar. Fosse o gajo lá para a Cultura apanhar umas pancadas do Moliere ou para a Agricultura levar com o nabo, mas que não andasse muito a aparecer pela televisão.
Agora o caralho do PM... Dizia o gajo que era engenheiro. Devia ser era decorador de interiores...
E foi assim que achamos melhor ficar caladinhos este tempo todo. Não fosse esta merda do blog ter escutas.
Agora com este sim, até comeu uma das Doce. E no tempo em que a gaja valia algum. Sim, porque não é mérito nenhum comer HOJE umas das Doce, se calhar algumas já incontinentes (o designado Pingo Doce).
Bem, por hoje já chega... Até amanhã ou até daqui a 6 anos.

sexta-feira, abril 14, 2006

De Volta

A Cagada está de volta. O serviço público que prestámos no passado tinha de voltar. O país está de tanga. Não a tanga que o cherne falava mas uma tanga leopardo, a separar o nalguedo peludo do próprio primeiro ministro. O paneleirismo está a ganhar terreno. Os membros da cagada são já perseguidos por declararem em público que o cú só tem uma função. Existem escutas telefónicas que filtram todas as conversas que não refiram palavras-chaves como "vaselina", "Decoração", "Brokeback Mountain" ou "Paulo Portas".
Temos de denunciar esta realidade, estamos fartos de ser apontados na rua por sermos heterossexuais, só porque andamos com os joelhos juntos e temos pêlos no peito. As minorias têm direitos e nós reclamamos os nossos.
A Cagada está para ficar, a Cagada está para denunciar.

quinta-feira, abril 13, 2006

Onde está o Joe?

A partir de dia 15, A Cagada vai lançar um passatempo que promete agitar a blogesfera. Trata-se de uma série de gravuras coleccionáveis -representando um acervo de arte dos anos sessenta-setenta- (muito embora seja fácil fazê-las passar, ao português médio, por uma colecção de grandes marcos de arte contemporânea) nas quais ardilosamente está escondida a imagem miniaturizada de um personagem ao qual demos o nome "Joe" facilmente identificável pelo ar particularmente anafado e por vestir um fato armani dois números abaixo do indicado. O passatempo foi submetido a um pré lançamento/teste junto de afoitos altos funcionários do Ministério da Cultura e os resultados prometem, senão veja-se o comentário de António Alberto, Assesor de Imprensa: "Aquela mancha no Lichtenstein parecia tão real mas afinal era o cabrão do gajo! O que o denunciou foi o sotaque! Ele é que a leva!".

quarta-feira, abril 12, 2006

Shared Values and Beliefs III

Outro favorito da cultura organizacional é o respeito pela diferença. A Cagada não fica atrás do BE ou da Associação de Apoio aos Pais de Deficientes. Senão, leiam este valor (lavrado em pedra na nossa redacção) : "Nós até temos pena dos deficientes, coitadinhos, mas lá que o Supremo Tribunal de Justiça fez jusrisprudência naquela merda das palmadas fez".

Shared Values and Beliefs II

Mas há mais. Como somos uma organização democrática e solidária, também temos valores associados ao respeito pela liberdade religiosa e de associação. Eis um que costumamos citar, e que cai sempre bem entre o público de esquerda que esteve na concentração da Igreja do Rato: "Não fazemos distinções entre indivíduos, qualquer seja a sua religião. E até temos amigos que são judeus (esses filhos duma égua)".

Shared Values and Beliefs I

Como é cada vez mais importante, ao que dizem, criar algo chamado "Cultura Organizacional", queremos enunciar desde já aos leitores uma pequena série de Valores Partilhados que nos ajudam a definir-nos como organização. O valor da semana é: "(Ao contrário da PT), Nós não matamos pessoas".

sexta-feira, abril 07, 2006

até que enfim! o regresso dos cagões!

Até que enfim que este espaço voltou a ter gente, começava a sentir-me sozinho, para aqui fechado a falar para as paredes, pois, mas só para as paredes porque como qualquer bom reaccionário eu sou um grande cagão quando não estou em grupo. E mesmo em grupo, o que me preocupa é a segurança e os polícias e as câmaras de vídeo nas ruas e o aumento das penas e a diminuição da idade para se poder preso... ah e o fim da imigração, claro!

Regresso

Se a Sharon Stone regressa, nós também regressamos. Tal como ela, melhores do que nunca, mas com menos elasticidade.
Por falar em elasticidade, ouvi dizer que nos entretantos elegeram um primeiro-ministro gay. É verdade?
SERIE: ANUNCIOS QUASE RACISTAS - I:
Amigo cigano, cuidado com o cão!
Enquanto o PPM se diverte a anunciar o fim da Blogosfera existente e a preparar the next big thing nós já estamos a preparar-nos para o nosso papel na história da Blogosfera que aí vem: Nova Blogosfera - what went wrong?
1,5 M é o numero de homossexuais em Portugal segundo o ultimo estudo "independente" da ILGA. Desde que deixamos de postar regularmente há 1 ou 2 anos o numero de paneleiros cresceu 50%. 50%! Está na hora do serviço público de educação gratuito prestado pel' A Cagada regressar. 15 de Abril! 15 de Abril! 15 de Abril, sempre! Até lá... teasing!
1,5M!

terça-feira, agosto 23, 2005

Os incêndios

Os nossos incendiários estão a ficar cada vez mais eficientes. Depois do recorde de 2003 o ano de 2005 volta a demonstrar que quando bem pagos e devidamente motivados os trabalhadores portugueses são dos mais eficientes.
A quebra na produtividade em 2004 ficou a dever-se à cpontratação de incendiários de leste. Em declarações à Cagada, o Sr. Lino da empresa de helicópteros de combate a fogos dizia "Os gajos de leste são uns calões. Roubavam gasolina, não punham as acendalhas direito... eram gajos que nem para fazer um churrasco os contratava, estou mesmo arrependido!"
Já o comandante dos bombeiros era menos crítico: "Os rapazes até eram bem intencionados... mas não percebiam bem as nossas indicações. Um gajo dizia-lhe: olha, amanhã vais ali para a mata naquela direcção uns 3 km e metes lá o fogo, mas tem de ser ás 11h que é quando nós vamos estar do lado oposto e não é que eles faziam tudo mal?"
As críticas mais ferozes vieram do Sr. José: "Este ano sim, esta merda deste pomar ardeu como deve de ser. O ano passado os gajos de leste queimaram isto tudo mal e o seguro não pagou. Obriguei-os a colher estas maçãs todas à pala para vender para sumos... um gajo mata-se a plantar o pomar e depois é obrigado a vender a fruta... e querem que a agricultura tenha futuro?